C2i divulga os vencedores do Concurso Plano de Negócios

Ganhadores do Concurso Plano de Negócios

Cada vez mais empresas, pesquisadores e novos empreendedores do Paraná descobrem na inovação a ferramenta de maior impacto no crescimento sustentável e no reforço competitivo para seus negócios. Prova disso foi o recém realizado Concurso Plano de Negócios, promovido pelo Núcleo de Capital Inovador do Centro Internacional de Inovação (C2i) do Sistema Fiep. Mais de 100 empresas se inscreveram e quatro delas foram premiadas. Aqui você vai conhecer os projetos vencedores.
Outro destaque desta 11ª edição desta newsletter é o lançamento do MBA Internacional de Inovação com foco em gestão da inovação e que contempla um módulo internacional na UTC-França com despesas inclusas.
Essas e outras novidades de inovação você também encontra no twitter @redeinovacao e @C2i_inova. Siga, participe, inove.


C2i divulga os vencedores do Concurso Plano de Negócios:


Pesquisadores, inventores e empresários disputaram prêmios e a atenção de investidores em um concurso de ideias inovadoras
O Centro Internacional de Inovação (C2i) divulgou no dia 16 de fevereiro os quatro vencedores do 1º Concurso Plano de Negócios. Na categoria Pesquisador, Inventor, Academia e Pessoa Física, a vencedora foi Renata Penteado Pozza, que levou R$ 25 mil com o projeto “Interpretes por telefone para turistas estrangeiros”. O segundo lugar nesta categoria ficou com Gustavo Ramos de Oliveira com o projeto Fertivita Fertilizante Organomineral. Na outra categoria, Micro e Pequena Empresa, a vencedora foi a ForLogic Software que, como prêmio, terá suas despesas pagas para participação em uma feira – nacional ou internacional – para apresentar o projeto “Softwares Mylogical e Qualiex para Metrologia e Qualidade”. A Segunda colocada nesta categoria foi a Osalim Agribusiness com o projeto “Portal de comercialização de insumos para agrobusiness”. Os quatro vencedores também receberão acompanhamento de três meses do empreendimento por um executivo experiente da rede de inovação do C2i, além do desenvolvimento de um plano de inovação, contemplando um workshop de inovação (Inova Xpress) e uma consultoria em fomentos.
De acordo com a vencedora da categoria Pesquisador, Inventor, Academia e Pessoa Física, Renata Pozza, a inovação do projeto apresentado foi o ineditismo e a necessidade de mercado. “O Brasil está, cada vez mais, na rota turística do mundo e isso deve aumentar com a vinda da Copa do Mundo de 2014 e dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro. Temos que oferecer os melhores serviços aos visitantes”, destaca Renata que afirma só ter conseguido viabilizar o Plano de Negócios depois de participar da capacitação do Centro Internacional de Inovação (C2i).
O outro grande vencedor da noite, o diretor executivo da ForLogic software, Jeison De Bastiani, associa o prêmio ao fato da empresa ter nascido com foco na inovação. “Começamos nosso negócio dentro da incubadora da UTFPR há cinco anos e, desde o começo sempre estivemos focado na gestão da inovação”, afirma.
O Concurso Plano de Negócios, realizado pelo C2i, com o apoio da JCI – Junior Chamber International, Endeavor e do Oxford Institute, recebeu 110 inscrições válidas. Destas, trinta foram selecionadas para apresentar seus planos de negócios para uma banca formada por empresários, investidores e especialistas do Sistema Fiep. Durante as apresentações, os empreendedores tiveram a oportunidade de, além de mostrar suas ideias para possíveis investidores, receber um feedback com dicas de melhoria para os seus empreendimentos.
O olhar do investidor
De acordo com Eduardo Rocha, diretor da Trivèla Investimentos, que atua no mercado de investimentos corporativos há 20 anos e avalia cerca de 150 negócios por ano, as ideias apresentadas impressionaram pela diversidade de nichos. “O concurso demonstrou que o Paraná não se dirige para um único segmento da economia e isso é visto de forma positiva pelos investidores”.
Rocha também destacou um ponto de atenção aos empreendedores paranaenses. “As ideias apresentadas são tecnicamente boas e inovadoras, porém, os idealizadores precisam explorar mais os cenários e as possibilidades de retorno financeiro. O que impressiona um investidor não é apenas uma boa ideia, mas uma ideia rentável”, finaliza.

Mais informações em: Rede Inovação

Anúncios

Sobre Lincoln Herbert

Professor de Tecnologia da Informação.
Esse post foi publicado em Eventos, P&D e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s